Search
  • Campeonato Portugal Velocidade

GTC a ganhar força com ex-troféus na grelha do Circuito de Vila Real





No regresso, a 2 e 3 de julho próximo, do Campeonato de Portugal de Velocidade (CPV)/Supercars Endurance (SE) by Hankook, uma competição focada nas categorias GT4 e TCR, ao Circuito de Vila Real, há que destacar a importância crescente da classe GTC que começa a ganhar força na grelha face ao interesse de participação manifestado por pilotos de carros ex-troféus, como os Skoda Octavia ou os Fiat Abarth, entre outros.

“Com pódio, classificações e pontuações próprias, a categoria GTC está aberta a vários carros de Turismo e GT provenientes de troféus ou ex-troféus monomarca. De igual modo, serão aceites todos os GT4 com mais de oito anos”, sublinha Diogo Ferrão, responsável máximo da Race Ready, uma das entidades promotoras do CPV.

Há um leque alargado de viaturas que competiram em diferentes competições monomarca que podem ser inscritas na prova mais importante da temporada de velocidade portuguesa, cujas duas corridas no Circuito de Vila Real, cada uma com a duração de 45 minutos, vão ser transmitidas em direto pelo Porto Canal.



A lista de veículos da categoria GTC admitidos no CPV é vasta:


Skoda Octavia (ex-troféu);

Renault Clio (ex-troféu);

Fiat Abarth (ex-troféu);

Ligier JS02;

Aston Martin Vantage GT4 (exceto MY2020);

Ginetta G50 3.5 ou 3.7;

BMW M3 E92 GT4;

Lotus Evora GT4;

Chevrolet Corvette C6 GT4;

Nissan 350Z GT4;

KTM X-BOW GT4 (MY2008);

Lotus Exige 260R Cup – com BOP;

Ferrari F430 Challenge - com BOP;

Porsche 997 GT3 Cup – com

BOP; Porsche 991.1 GT3 Cup – com BOP;

BMW M2 CS – com BOP.

De referir, por último, que podem ainda ser aceites outros carros, de acordo com os critérios da comissão organizadora do CPV/SE.





Fotos: Nuno Organista


37 views0 comments