top of page
Search
  • Campeonato Portugal Velocidade

José Carlos Pires e Francisco Abreu absorvem pressão

Updated: Jul 16, 2023


José Carlos Pires e Francisco Abreu, em BMW M4 GT4, venceram a primeira corrida do Campeonato de Portugal de Velocidade da 52ª edição do Circuito Internacional de Vila Real, após uma prova de elevada emoção.


Com milhares de pessoas ao longo do circuito e sob um sol radioso, depois da chuva matinal, José Carlos Pires arrancou bem da pole-position, assumindo a liderança, mas com Manuel Gião (Mercedes-AMG GT4, Racar Motorsport) e Francisco Carvalho (McLaren 570S GT4, Araújo Competição).


O piloto da Speedy Motorsport esteve sempre na liderança, mas sob pressão dos seus perseguidores sempre dispostos a aproveitar qualquer erro do líder.


Depois da troca de pilotos, Carlos Vieira, que assumiu os comandos do carro de Estugarda, e Nuno Batista, que recebeu a máquina inglesa, envolveram-se num incidente que resultou no abandono do piloto da Araújo Competição, no atraso definitivo do homem da Racar Motorsport e numa bandeira vermelha.


Quando a corrida foi retomada, após o McLaren ter sido retirado de pista, Francisco Abreu no BMW M4 GT4 da Speedy Motorsport foi pressionado por Patrick Cunha, mas este não conseguiu encontrar forma de desfeitear o madeirense, que cruzou a linha de meta em primeiro, vencendo, juntamente com o seu colega de equipa, pela terceira vez este ano.


Com uma excelente prestação, Sérgio Azevedo e Orlando Batina, em BMW M4 GT4 (F82) da Batina Racing, subiram no final a segundo devido a uma penalização ao Audi R8 LMS GT4 da Veloso Motorsport pilotado por Patrick Cunha e Jorge Rodrigues (não cumpriram tempo de paragem nas boxes), tendo Manuel Fernandes, em Peugeot 308 Racing Cup da Team VRT, ficado em terceiro e vencido os Turismos.


O piloto Vila Real viu a sua tarefa facilitada ainda no primeiro terço da prova de quarenta e cinco minutos, uma vez que o seu principal adversário, Daniel Teixeira (Cupra TCR da JT59 Racing) abandonou com problemas de transmissão.


Borja Hormigos e Héctor Hernández, em BMW M240i da Autoworks Motorsport, e Carlos Tavares e Jean-Philippe Imparato, em Peugeot 308 Racing Cup da Team VRT, completaram o pódio dos carros de Turismo.


Bruno Pires e Fábio Mota, em Ginetta G55 GT4 da Tockwith Motorsports, subiram ao degrau mais baixo do pódio da GT4 Pro, numa boa performance que promete dar frutos na corrida de amanhã, ao passo que Patrick Cunha e Jorge Rodrigues, em Audi, apesar da penalização, venceram a GT4 Bronze à frente de Francisco Carvalho e Nuno Batista, que ficaram classificados em segundo da divisão.


Álvaro Ramos, em Aston Martin Vantage da Araújo Competição, venceu entre os GTC, ao passo que João Vieira em Porsche 911 Cup da Garagem Aurora levou a melhor na divisão Cup.













50 views0 comments

Comments


bottom of page